fechar

Maior campeão gaúcho de Motonáutica vence com barco fabricado por ele em Passo do Sobrado

por: Claudio Froemming
Data: 04/01/2018 | 10:19
Fenachim
Foto: Claudio Froemming / Folha do MateTasca com seu barco construído em madeira de lei e que levou o título da Motonáutica em 2017 na categoria R 2.5 A aspirado
Tasca com seu barco construído em madeira de lei e que levou o título da Motonáutica em 2017 na categoria R 2.5 A aspirado

O piloto multicampeão gaúcho de Motonáutica, maior vencedor de títulos da história do Rio Grande do Sul, Carlos Valmor Tasca, de 65 anos, venceu novamente em 2017, alcançando o 13º título na carreira. A consagração veio em dezembro passado quando aconteceu a última etapa do ano na cidade de Entre Rios do Sul na barragem Passo Fundo, onde ele levou a taça na categoria R 2.5 A aspirado. Também tem um título Sul-Americano conquistado em uma das três edições que participou.
O grande diferencial desta última conquista foi que o barco pilotado por Tasca foi totalmente fabricado por ele mesmo em Passo do Sobrado, na marcenaria dos seus amigos Arno e Rodrigo Lopes. Conhecido no sul do país pela sua trajetória dentro da modalidade, o piloto construtor destaca que este modelo produzido foi o primeiro na história do município, e que atinge velocidade de 170 km. A lancha é resultado de um projeto comprado diretamente dos Estados Unidos, adquirido pelo piloto anos atrás.
Carlos Tasca participa desta competição desde 1994 e vai participar neste ano da 24ª edição de sua carreira, nunca tendo sofrido um acidente grave. O campeonato gaúcho inicia neste ano no dia 03 de fevereiro em São Jerônimo, onde ele pretende continuar seu ciclo de vitórias, e agora com um barco que ele conhece muito bem, e que lhe trás benefícios por sua agilidade, aerodinâmica e durabilidade, explicou Tasca.
O piloto anuncia que este projeto de construção da lancha não será uma exclusividade sua, pois ele se propõe a reproduzir outros protótipos se houver interessados. 'Se alguém quiser, eu me disponho a construir um igual por um custo bem justo', afirmou ele. Contatos podem ser feitos pelo fone: 99687-3478.