fechar

Creche é o grande sonho de Vila Mariante

por: Carlos Dickow
Data: 10/04/2019 | 09:00
Foto: Carlos Dickow / Folha do MateTeresinha Graeff, tesoureira da Comunidade Nossa Senhora dos Navegantes, foi escolhida pelos moradores de Vila Mariante para apresentar aos parlamentares as demandas do 2º Distrito
Teresinha Graeff, tesoureira da Comunidade Nossa Senhora dos Navegantes, foi escolhida pelos moradores de Vila Mariante para apresentar aos parlamentares as demandas do 2º Distrito

A comunidade de Vila Mariante, no 2º Distrito de Venâncio Aires, tem uma série de demandas para ser atendida, mas se tivesse que escolher apenas um item da relação de prioridades, sem sombra de dúvida optaria pela construção de uma Escola Municipal de Educação Infantil (Emei). A creche é o grande sonho dos moradores da localidade, conforme reforçou a professora aposentada Teresinha Graeff, que ocupou o período de tribuna livre, durante a sessão interiorizada da Câmara - a primeira realizada na atual legislatura -, na noite desta segunda-feira, 8, como representante dos residentes de Mariante e região.

Tesoureira da Comunidade Nossa Senhora dos Navegantes, que emprestou a sua sede ao Legislativo para o encontro interiorizado, Teresinha, que há três anos deixou de lecionar, declarou que sabe que ver o sonho realizado não é fácil, mas salientou que 'a creche sempre é pauta eleitoral, assim como a reativação do Porto de Mariante', acrescentando que 'vamos deixar para voltar a falar em creche somente quando ela começar a ser construída, porque muita gente já está perdendo as esperanças de ver isso acontecer'.

A professora aposentada salientou ainda que a demanda de crianças em idade de frequentar a creche já foi apurada pela Secretaria de Educação. Seriam pelo menos 50 crianças entre 0 e 3 anos e outras 40 de 4 e 5 anos de idade com expectativa de uma vaga. O Município busca um terreno no distrito que possa sediar a obra - a compra de uma área chegou a ser ventilada, mas também há informação de que moradores de Mariante estariam dispostos a doar um imóvel para a construção da creche. O assunto segue como pauta da Educação e a Administração promete empenho para realizar o sonho da comunidade.

OUTRAS DEMANDAS

Além da Emei, os moradores de Mariante têm outras demandas prioritárias. O acesso à comunidade é um deles. De acordo com Teresinha, 'quando se chega, a impressão não é boa, pois temos asfalto tomado de buracos e sem a devida sinalização, o que destoa, por exemplo, desta pavimentação que foi feita para chegar até aqui'. Ela se refere ao asfalto entre o local onde foi realização a sessão e a beira do Rio Taquari, trecho da procissão de Nossa Senhora dos Navegantes. Mesmo sabendo que a competência para a manutenção da ERS-130 é do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer), ela solicitou que vereadores intercedam junto a deputados e autoridades para que melhorias sejam providenciadas.

Sobre a creche, o vice-prefeito Celso Krämer (PTB), que também ocupou espaço de tribuna livre, afirmou que 'a Administração está trabalhando nesta questão, não está parada'. De acordo com ele, 'é preciso buscar mecanismos para fazer as coisas acontecerem'.

'Não estou aqui apenas para cobrar, mas também para agradecer. A interiorização da Câmara é uma oportunidade para exercermos a cidadania, algo que julgo muito importante. O vereador é a autoridade que está mais perto da população.'
TERESINHA GRAEFF
Professora aposentada e tesoureira da Comunidade Nossa Senhora dos Navegantes

O que disseram

? 'A creche é de fundamental importância para Mariante, é a prioridade número um. Tenho informações de que a Secretaria de Educação está trabalhando em busca de um terreno e espero que, quando a obra começar, vá até o fim. Na Emei Xangrilá, por exemplo, o processo está parado por muito tempo.'
Nelsoir Battisti, vereador do PSD

? 'Até pelo tempo que a comunidade tem a creche como pleito, é compreensível que, em algum momento, a esperança diminua. Mas eu prefiro continuar falando sobre o assunto, mantendo viva a demanda, para que não caia no esquecimento.
Tiago Quintana, vereador do PDT

? 'A construção da creche de Mariante foi uma das metas retiradas do Plano Plurianual pelo Executivo. Estava prevista para 2018, mas foi adiada para 2019. Se não fizerem este ano, em 2020, que é ano eleitoral, não sai do papel. Se não vai fazer, não promete, porque a comunidade vai cobrar.'
Ana Cláudia do Amaral Teixeira, vereadora do PDT

? 'O governo está empenhado em achar uma forma de realizar o sonho da comunidade de Mariante e construir a creche aqui no 2º Distrito. A Emei Brands deve começar as atividades na próxima semana e, a partir daí, será possível dar ainda mais atenção para esta demanda.'
Ezequiel Stahl, vereador do PTB

? 'A secretária Joice (Battisti Gassen, de Educação) já esteve várias vezes em Mariante em busca de um terreno para a nossa creche. O que tenho para dizer a vocês é que está mais perto do que longe.'
Clécio Espíndola, o Galo, vereador do PTB

? 'Não desistam do sonho de vocês. Mantenham-se unidos neste propósito, pois a primeira creche do interior, quando sair, será em Mariante. Isso está definido.'
Sandra Wagner, vereadora do PSB