fechar

Preparativos a mil a três meses da 15ª Fenachim

por: Cassiane Rodrigues
Data: 01/02/2019 | 06:30
Fenachim
Foto: Jaqueline Caríssimi / Arquivo FMParque vai receber reparos para nova edição da festa
Parque vai receber reparos para nova edição da festa

A três meses da Festa com o Sabor do Rio Grande, a equipe de organização intensifica os trabalhos. De acordo com a presidente da 15ª Fenachim, Cleiva Giovanaz Heck, agora é o momento de tirar os planos do papel e colocar em prática.

A agenda de divulgação feita pelas soberanas, rainha Lavínia Wachholz Naue e princesas Andressa Halmenschlager e Thaíse Fagundes está cada vez mais cheia nas próximas semanas.

A equipe está em contato para a visita nas prefeituras dos municípios da região e em tratativas para a ida da comitiva até Porto Alegre, para convite ao governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite. 'Também vamos enviar convites personalizados e utilizar as redes sociais para contatos', afirma Cleiva. A comitiva não cogitou ir até Brasília para visita ao presidente Jair Bolsonaro devido aos custos, mas deve enviar um convite personalizado e utilizar as redes sociais.

As soberanas devem acompanhar as agendas de mateada no Litoral e Orla do Guaíba, além de acompanhar a Escola do Chimarrão em eventos.

O trabalho de divulgação é fortalecido pela equipe de festeiros, uma novidade trazida pela presidente nesta edição. Cleiva destaca que o objetivo foi totalmente atingido, pois o grupo está engajado em divulgar a festa no município e fora dele. 'Foi uma grande cartada, eles estão levando a Fenachim por todos os lugares que vão. Recebemos fotos deles de férias na praia e com a camiseta da festa', destaca.

Os trajes das novas soberanas e a programação oficial da 15ª Festa Nacional do Chimarrão devem ser apresentados em evento no final do mês de março, ainda sem data definida.

EXPEDIENTE
Cleiva destaca que a equipe organizadora da festa está em expediente diário no Parque do Chimarrão. Dúvidas, sugestões ou comercialização de espaços comerciais podem ser feitos diretamente no local da festa. 'Nós estamos aqui de portas abertas, é um espaço para todos', diz.

A presidente quer fortalecer o vínculo com as empresas do ramo metalmecânico, indústrias e fumageiras para presença na festa. 'Nossa festa tem como foco a erva-mate mas precisamos também evidenciar o carro-chefe da economia do nosso município', enfatiza. A proposta é reconhecer a importância do tabaco no município.

'Agora começamos a colocar em prática tudo que idealizamos para a festa. Estamos com uma equipe bem bacana que 'viaja' junto com a presidente nestas ideias de inovação para que a gente possa realmente dar um outro olhar para a nossa Fenachim.'
CLEIVA GIOVANAZ HECK
Presidente da 15ª Fenachim

Parque estará fechado para preparação do espaço

Cleiva afirma que durante todo o mês de abril o Parque do Chimarrão estará fechado para que sejam feitas as adequações necessárias para a festa. A presidente ressalta que os serviços que devem ser feitos são de reparos, limpeza, troca de telhas e pinturas. Um levantamento inicial apontou que o investimento é de cerca de R$ 150 mil para os serviços. 'Muitas pessoas falam que recebemos R$ 300 mil da Prefeitura para fazer a festa, mas na verdade precisamos utilizar boa parte desse valor para preparar o parque', ressalta. Além disso, alguns prédios precisam ser adequados com o Plano de Prevenção Contra Incêndios (PPCI).

PREPARE O SEU CORAÇÃO

A proposta da 15ª Fenachim é destacar o sentimento, o que vem do coração, dando ênfase também ao fato da festa ter, pela primeira vez, uma mulher como presidente. 'Eu não abri mão de que a identidade visual da festa ficasse em cima de um coração', diz. O material visual está sendo elaborado e uma nova foto das soberanas será feita para compor os outdoors do parque e da entrada da cidade. Cleiva ressalta que este novo formato da 15ª Fenachim está sendo levado também nas empresas para busca de patrocínio. 'Estou tendo uma receptividade muito grande e a ideia está sendo bem aceita pelos empresários', ressalta.


UM POUCO DO QUE VOCÊ VAI VER NA 15ª FENACHIM

1 Rodeio Artístico.

2 Corrida de aventura a nível nacional e outras atrações esportivas.

3 Gastronomia com ênfase na tradicional galinhada e espaço com foodtrucks.

4 Turismo, artesanato e espaço comercial.

5 Apresentações musicais com predomínio de talentos locais e regionais.

6 Noite típica de etnias. Gastronomia portuguesa, árabe, italiana e afro são algumas das confirmadas.

7 Atrações culturais e gastronômicas com lucro revertido a causas sociais.


Galinhada será "a menina dos olhos" da 15ª Fenachim

Para oferecer a galinhada na festa o espaço já existente será remodelado. Gilberto Herdina, festeiro da Fenachim pela Comunidade São Lucas é quem vai liderar as equipes de trabalho. 'As pessoas envolvidas estão acostumadas a fazer grandes quantidades nas comunidades', ressalta Cleiva. Logo na entrada do parque será instalada uma banca para a venda dos cartões. A presidente diz que no "dia dos festeiros", 11 de maio, todo e qualquer festeiro com a camiseta da comunidade tem passe livre. Estão convidados festeiros de toda a região e após o almoço terá baile. 'O nosso prato típico é maravilhoso e neste dia nós vamos lançar a receita da galinhada da Fenachim'.

Foto: Alvaro Pegoraro / Arquivo FMPresidente está confiante com projetos desenvolvidos para esta edição
Presidente está confiante com projetos desenvolvidos para esta edição

Shows ainda indefinidos
A presidente se diz otimista em trazer atrativos inteiramente gratuitos na festa. Ela ressalta que sempre foi muito realista em não gastar muito para trazer shows nacionais. No entanto, diz que a equipe está recebendo propostas atrativas da produção de alguns artistas. 'Acredito que em no máximo 15 dias teremos os shows definidos', comenta. Cleiva diz que de qualquer forma os talentos locais terão uma atenção especial, bem como, apresentações de grupos da região.

INGRESSOS
Uma iniciativa inovadora está sendo desenvolvida para cobrança de estacionamento. A proposta inicial era não cobrar ingresso para possibilitar a visita de o maior número de pessoas, mas esta ideia deve surpreender se for colocada em prática.

Organizadores de eventos que acontecem nos dias da festa podem entrar em contato com a equipe caso tenham interesse que a atração faça parte da programação da Fenachim. Cleiva ressalta que não é necessário que o evento seja realizado nas dependências do Parque do Chimarrão.

ENTRADA
Uma das mudanças nesta edição da festa é valorizar a área dos fundos do parque. Como não terá rodeio campeiro, o espaço será utilizado como estacionamento. 'As pessoas vão vir de baixo para cima, então vamos ter um espaço com muitas atrações já na parte inferior', comenta Cleiva.