fechar

Hotéis quase lotados para a Fenachim

por: Carlos Dickow
Data: 09/05/2019 | 09:00

De hoje até domingo, 12, Venâncio Aires vive os últimos dias da 15ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim). Após registrar movimentação de 50 mil visitantes nos cinco primeiros dias, na semana passada - segundo a organização do evento -, a expectativa é de que o público seja ainda maior. Um bom 'termômetro' é a ocupação da rede hoteleira, que espera lotação máxima para os próximos dias. Na semana passada, conforme empresários do setor, a ocupação ultrapassou os 80% da capacidade instalada.

Gerente administrativa do Hotel Terra do Chimarrão, Daniela Righetto Schuch Nascimento afirma que, no fim de semana anterior, entre 70% e 80% dos 50 quartos disponíveis foram ocupados. Ela diz que é fácil de perceber que o movimento maior se deve à Fenachim, tanto por contatos com os hóspedes, quanto pelo aumento da média de reservas. 'Durante a semana, o público é, na maioria, de representantes comerciais e viajantes. Para a Fenachim, temos famílias se hospedando, inclusive muitas pessoas de cidades da região que, embora morem relativamente perto, ficam para aproveitar a festa', comenta.

Maicon Claus, proprietário do Hotel e Restaurante Pingão, acredita que os 19 quartos disponíveis devem ser ocupados no fim de semana. O movimento, projeta o empresário, deve ficar bem acima do registrado na semana passada, quando a ocupação passou dos 80%. 'Hoje (ontem), estamos com quatro quartos vagos, levando em consideração as reservas já confirmadas. Até o fim de semana, a lotação máxima deve se consolidar', aposta. Claus afirma que eventos como a Fenachim garantem movimento ao setor hoteleiro de Venâncio Aires. Depois da maior festa do município, competições de kart e motocross, além do Festival do Balonismo, são as atividades que mais levam hóspedes ao Hotel Pingão.

Foto: Alvaro Pegoraro / Folha do MateMaicon Claus acredita que os quatro apartamentos que ainda estão disponíveis no Hotel Pingão serão ocupados para o fim de semana
Maicon Claus acredita que os quatro apartamentos que ainda estão disponíveis no Hotel Pingão serão ocupados para o fim de semana

GRUPOS E BANDAS
Proprietário do Hotel Guest, Genésio Lehmen destaca que, durante a Fenachim, as hospedagens se aproximam da capacidade quando grupos ou bandas escolhem o local para ficar. 'Em 2012, quando veio o Gusttavo Lima, eram quase 70 pessoas junto com ele', lembra. Para este fim de semana, diz, até 80% dos 50 quartos devem ser ocupados. 'Temos reserva para um grupo de Minas Gerais que sempre vem para a Fenachim, com 28 pessoas. São estas turmas grandes que quase lotam o hotel. No restante, temos um movimento que pode ser considerado normal, mesmo nos período da festa', completa o empresário.

'Sempre que algum evento é realizado no Parque do Chimarrão, percebemos aumento do número de hóspedes. A Fenachim é a principal festa, mas também temos movimento em competições de kart e motocross e no Festival de Balonismo.'
MAICON CLAUS
Proprietário do Hotel e Restaurante Pingão