fechar

AACEMUC vai criar espaço de pesquisa luso-açoriana

por: Cassiane Rodrigues
Data: 10/01/2019 | 12:00

A Associação Amigos do Cemuc (AACEMUC) vai criar um espaço de pesquisa luso-açoriana no município. Na segunda-feira, 7, representantes do Instituto Cultural Português, de Porto Alegre, estiveram em Venâncio Aires e firmaram a parceria para a instalação do Centro Luso-Açoriano. O encontro contou com a presença de membros da associação e o presidente do instituto, Antônio Soares e sua esposa Santa Inéze Soares.

Segundo a coordenadora do departamento cultural da AACEMUC, Maria Zulmira Portella de Moura, o contato da associação com o instituto vem sendo feito há muitos anos e os materiais para compor o espaço serão enviados por eles. 'Nós já temos algumas coisas como jornais e revistas mas o restante do acervo ainda deve chegar', comenta Maria Zulmira. Ela ressalta que além de livros, revistas e jornais, o espaço vai contar também com objetos portugueses.

Segundo ela, esta parceria foi possível devido ao engajamento da associação na pesquisa do resgate cultural da colonização e povoação de Venâncio Aires. Um dos resultados da pesquisa é o livro "Venâncio Aires buscando raízes", lançado em 2013.

Outra iniciativa de resgate da origem do município é o grupo de danças açorianas. Com sede na Escola Brígida Fagundes, a iniciativa é da AACEMUC. Dois profissionais trabalham com os jovens, que já tem traje típico e se apresentaram em eventos diversos. 'O grupo foi convidado para se apresentar no sarau cultural promovido pelo instituto português, vamos trabalhar para isso no retorno das férias', finaliza.

Foto: Divulgação / AACEMUCMembros da AACEMUC firmaram a parceria com o Instituto Cultural Português, de Porto Alegre, na segunda-feira, 7
Membros da AACEMUC firmaram a parceria com o Instituto Cultural Português, de Porto Alegre, na segunda-feira, 7

O Centro Luso-Açoriano será inaugurado durante a Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim) em maio deste ano. A data ainda não está definida.


'Será um espaço de visitação, pesquisa e conhecimento sobre as raízes do nosso município.'
MARIA ZULMIRA PORTELLA DE MOURA
Coordenadora do Departamento Cultural da AACEMUC