fechar

Após 38 anos, lua cheia marca noite de Natal

Desde 1977 esta fase da lua não é vista no Natal. Para astrólogo entrevistado pela reportagem traz curiosidades sobre o fenômeno

por: Kethlin Meurer
Data: 24/12/2015 | 17:00
Vivo
Foto: Matheus Hinterholz / DivulgaçãoMatheus Hinterholz, morador de Mato Leitão, registrou com o drone, imagem do centro de Venâncio Aires, nos últimos dias. A Capital do Chimarrão está bem iluminada e, nas noites de hoje e amanhã, ganhará um
Matheus Hinterholz, morador de Mato Leitão, registrou com o drone, imagem do centro de Venâncio Aires, nos últimos dias. A Capital do Chimarrão está bem iluminada e, nas noites de hoje e amanhã, ganhará um 'plus' com a luz da lua cheia

Para quem gosta de admirar a lua, não pode perder a oportunidade de apreciá-la na noite de hoje e amanhã. Desde 1977 a lua cheia não aparece no Natal e segundo a Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (Nasa), o evento apenas ocorrerá de novo em 2.034. O astrólogo João Pedro Matzenbacher explica a influência da lua cheia na vida das pessoas.

Segundo ele, a ocorrência do fenômeno, depois de tantos anos, não passa de uma coincidência. Por ocorrer no Natal, não significa que sempre será nesta data. Na opinião dele, os efeitos dos corpos lunares, como os signos do zodíaco, devem servir de base para a educação da humanidade.

O astrólogo explica que a lua é considerada amiga das bruxas, feiticeiros e da magia negra, mas, na lua cheia, as energias ruins e o mal não têm o mesmo efeito sobre a humanidade.

É nessa fase da lua que, de acordo com Matzenbacher, o corpo humano pode receber a luz que vem dos anjos superiores. 'A lua cheia é uma época de comunicação com os espíritos do universo', explica. Ele ainda ressalta que essa fase apenas é útil para pessoas equilibradas e que estão em busca do caminho espiritual. 'Quem não é equilibrado mentalmente, sofre nessa fase da lua, porque pode passar por alucinações', complementa.

NATAL
O astrólogo explica que, neste ano, o Natal será diferente, porque haverá a soma de duas ocasiões. Uma delas é o início de um ciclo novo em virtude do nascimento de Cristo. A outra ocasião é a possibilidade de uma comunicação através de orações com os seres superiores, e tudo isso devido à lua cheia.

Ele ainda acrescenta que, no Natal, a Terra tem muita energia, mas é na lua cheia que a energia vem de fora do planeta. 'É uma bênção poder juntar o dia do ano que tem mais energia, que é o Natal, com a lua cheia, a fase do mês mais propícia para um contato com seres espirituais', comenta o astrólogo.

Segundo ele, a lua tem influência maléfica, e quando está cheia, tudo pode ser beneficiado a nível espiritual, mas não a nível prático. 'Para fazer coisas práticas, tem que ser observado o signo que a lua está. Em relação à espiritualidade, apenas se usa a lua cheia', explica.


 ASTEROIDE

Em algum lugar, a 11 milhões de quilômetros da Terra, a mais ou menos 28 vezes a distância até a lua, um asteroide gigante com dois quilômetros de diâmetro também estará de passagem no dia 25.