fechar

Hoje tem Assoeva x Magnus no Poli

Jogo é válido pelas quartas de final da Liga Futsal

por: Roni Müller
Data: 12/10/2017 | 06:30
Foto: Roni Müller / Folha do MateAndré Deko pretende fechar o gol contra a equipe de Sorocaba
André Deko pretende fechar o gol contra a equipe de Sorocaba

Mais uma fase decisiva da Liga Futsal está aí. Hoje tem dois jogos. A Assoeva/Unisc/ALM estará em ação a partir das 18h15min quando no Poliesportivo irá enfrentar o Magnus. Equipe de Sorocaba, primeira colocada na fase classificatória e que eliminou o Tubarão na fase anterior, é o atual vice-campeão da competição. Craques como o goleiro Tiago, Neto, Pixote, o capitão Rodrigo e claro, Falcão, são apenas algumas das atrações da equipe paulista.

Falcão é dúvida para o jogo de hoje pois ainda se recupera de um estiramento na coxa, lesão esta que sentiu recentemente nos jogos pela Seleção Brasileira de Futsal. No último treino do Magnus, ontem pela manhã, na Arena Sorocaba, o camisa 12 não participou das atividades. Pela equipe do técnico Fernando Ferreti, devem jogar Tiago, Lé, Rodrigo, Marcel e Bruno. Um segundo quarteto possível é composto por Pixote, Éder Lima, Arthur e Neto.

Se o Magnus não conta com Falcão, a Assoeva infelizmente também não poderá contar com força máxima. Sem Dilvo que se recupera de lesão, a mais recente baixa na equipe comandada por Fernando Malafaia é o ala Zico que sofreu rompimento do Ligamento Cruzado Anterior do joelho direito. O atleta fica fora pelo restante da temporada.

Para o jogo no começo da noite de hoje, Malafaia comandou as atividades em dois turnos desde o começo desta semana. Sem o ala Zico, muda toda uma estratégia de jogo, a começar pela formação dos quartetos. Tem Valdin, Renatinho, Boni e Caio Júnior, além de Daniel, Ygor, Sacon e Rezala. Com as vagas dos dois goleiros - André Deko e Deividi - ficam as demais vagas para serem preenchidas pelos atletas da base como Marcílio, Axel, Vagner, Douglas e Maurício.

Diante da ausência de Zico, o ala Valdin destaca que a equipe precisa saber superar mais uma adversidade. "Já temos um grupo reduzido. Perdemos o Dilvo e agora mais o Zico. Tudo muito complicado. O momento não é de ficar lamentando. É buscar forças. Temos que em casa nos impor contra o Magnus que vem que vem. É nestas horas que todo apoio moral, a força da torcida, pode fazer a diferença extra quadra para a gente. Necessitamos de um bom resultado para depois decidirmos fora e em condições favoráveis", disse o camisa 31.

A previsão é de 'casa cheia'. "Contamos com o apoio de todos. Vamos começar uma nova fase da Liga contra o atual vice-campeão. Já passamos por um dos semifinalistas de 2016 que foi o Copagril. Eis que o chaveamento coloca o Magnus em nosso caminho. Precisamos e muito o apoio do torcedor. A presença de todos, no Poliesportivo, é imprescindível", convoca o presidente do clube, Engelberto Henn.