fechar

Emei Closs terá novo prédio

por: Juliana Bencke
Data: 12/01/2018 | 10:00

Uma das Escolas Municipais de Educação Infantil (Emeis) mais antigas de Venâncio Aires, a Frederico Reinaldo Closs, do bairro União, será contemplada com um novo prédio. Localizado no fim da rua Reinaldo Schmaedecke, entre as ruas Cláudio Reckziegel e Emílio Michels, o terreno que vai sediar a nova estrutura já foi adquirido pela Prefeitura.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Joice Battisti Gassen, agora, trabalha-se na elaboração do projeto do prédio, para buscar recursos por meio do Plano de Ações Articuladas (PAR), do Governo Federal. "A obra deve custar R$ 2,5 milhões e será nos mesmos moldes da Emei que está sendo construída no bairro Xangrilá, com capacidade para atender até 180 crianças", explica.

Foto: Juliana Bencke / Folha do MateNova estrutura é demanda antiga da comunidade escolar, já que a instituição sofre com alagamentos nas enchentes do Arroio Castelhano
Nova estrutura é demanda antiga da comunidade escolar, já que a instituição sofre com alagamentos nas enchentes do Arroio Castelhano

A secretária observa que, além de ampliar o número de alunos da instituição, a nova estrutura solucionará o problema histórico de alagamentos na escola, quando há enchente no Arroio Castelhano. "Essa será a principal justificativa do projeto para encaminhamento junto ao Ministério da Educação. Toda vez que alaga, há um grande desgaste para a comunidade escolar", destaca. 

Joice esclarece que a construção de um novo prédio não caracteriza a criação de uma nova escola, mas, sim, de readequação do espaço - todas as atividades da Emei, hoje localizada na rua Rua Frederico Reinaldo Closs, serão transferidas para o novo prédio, na divisa entre os bairros União e São Francisco Xavier.

Ela também lembra que a ideia foi manter a Emei Closs próximo de onde já está localizada e buscou-se um terreno fora das áreas de alagamento.

Tivemos o cuidado de não fugir da área do zoneamento, porque a escola tem uma história no bairro União", Joice Battisti Gassen, secretária de Educação.

O início das tratativas para a construção de uma nova estrutura para a Emei Closs e a compra do terreno ocorreram após uma mobilização da Associação de Pais e Mestres (APM) da escola, que levou ao conhecimento da Secretaria de Educação a demanda de cobertura para a pracinha. "Analisando o espaço, o engenheiro constatou que o espaço estava muito limitado e já não havia como expandir. Foi com esse entendimento que começamos a procurar um terreno", relata a secretária de Educação.

Foto: Adriene Antunes / AI PrefeituraAssessor da Secretaria de Educação, André Henckes, secretária Joice Gassen, prefeito Giovane Wickert e vice Celso Krämer, em visita ao terreno onde será construída a escola
Assessor da Secretaria de Educação, André Henckes, secretária Joice Gassen, prefeito Giovane Wickert e vice Celso Krämer, em visita ao terreno onde será construída a escola

Embora ainda não haja previsão de quando será iniciada a obra, a diretora da escola, Franziele Fernanda Fröhlich, comemora a novidade. "Temos uma APM muito ativa, que já estava realizando promoções para obter recursos e cobrir a pracinha. Ficamos muito felizes em saber que teremos um novo prédio para atender com ainda mais qualidade as crianças", comenta.

Ela ressalta a importância de a mudança de prédio solucionar o problema dos alagamentos, além de propiciar uma estrutura mais ampla aos alunos. "Quando havia enchente, era sempre uma preocupação muito grande, para avisar as famílias e retirar os alunos. Além disso, sempre acabávamos tendo perdas de brinquedos e a estrutura também era prejudicada."

>> R$ 780 mil foi o valor do terreno adquirido pela Prefeitura, para construção da escola, por meio de uma desapropriação amigável.

>> 106 alunos estão matriculados na Emei Frederico Reinaldo Closs, atualmente. O novo prédio será projetado para atender até 180 crianças.