Opinião

Nova investida pela RS-244

por: Sérgio Klafke
Data: 23/02/2017 | 01:05

A luta pela construção da RS-244, ligando Venâncio a Vale Verde, tem uma nova etapa. A estrada inicia no entroncamento do trevo da RSC-287 com a 453, e tem 16,8 km de extensão até se encontrar com a RS-405, em Vale

Foto: DivulgaçãoDário acredita na possibilidade
Dário acredita na possibilidade

Verde, e seguir para General Câmara e BR-290, em direção à capital ou para o porto de Rio Grande. Em 1980, no seu quarto governo o prefeito Alfredo Scherer (PMDB-1977/1982) começou a abrir a estrada com máquinas da Prefeitura em parceria com a Companhia Intermunicipal de Estradas Alimentadoras (Cíntea), autarquia do Governo do Estado, para encurtar a distância entre Passo do Sobrado e Vale Verde, com Venâncio Aires. Só 18 anos depois, em setembro de 1998 a De Boni Engenharia começava a construir a primeira de três pontes, com 110 metros - que ninguém sabe qual a a serventia, pois não tem água perto. Outras duas pontes, de 80 e 20 também foram construídas para depois pavimentar a rodovia. Era o final do governo Antônio Brito (PMDB-1995/1998)). No governo Olívio Dutra (PT-1999-2002) as obras não tiveram continuidade e nunca mais reiniciaram. Várias tentativas foram feitas. Uma das 'mais teimosas' foi de Leandro Haag, quando atuou no governo Yeda Crusius (PSDB-2007/2010) e depois, no governo Tarso, mas não deu em nada.
Agora Dário Martins, agente penitenciário aposentado, que foi vereador e secretário municipal e foi coordenador da campanha de Giovane Wickert (PSB) para prefeito, inicia um novo movimento, autorizado por Giovane. Dário assumiu a Defesa Civil e o Departamento de Trânsito no governo de Giovane. Durante uma visita e um chimarrão aqui nesta semana, Dário revelou que neste sábado reúne prefeitos e vices de Venâncio, Passo do Sobrado, Vale Verde e General Câmara. Convidou também os deputados federais Heitor Schuch (PSB) - que confirmou presença -, e Sérgio Moraes (PTB), os estaduais Edson Brum (PDMB) - que já confirmou presença-, e Marcelo Moraes (PTB), para debater o assunto e criar uma comissão para tentar tirar do papel esta estrada.
Um fato novo é a Cosuel, que instala um grande projeto avícola, que terá a parte inicial em Vale Verde, outra em Venâncio e Mato Leitão e o frigorífico de abate em Arroio do Meio.

 

Do Twitter

por: Sérgio Klafke
Data: 23/02/2017 | 01:01

* Estadão: Por 55 votos a 13, Senado aprova nome de Alexandre de Moraes para o STF.

* Exame: Câmara dos Deputados aprova documento único para brasileiros.

* Estadão: Relator da reforma tributária volta a defender imposto nacional, o IVA.

* Estadão: Petistas querem Dilma candidata ao governo do Rio Grande do Sul.

* IstoÉ: PF investiga possíveis repasses ilegais a Lula por meio de intermediária da Odebrecht.

* AC Macedo: Pra que sabatina pro Alexandre Moraes, se o gabarito da prova já era conhecido? Pura encenação.

* Cristian Deves: Lembram da 'luz barata" da Dilma? Agora o consumidor que irá pagar a conta de R$ 62 bi.

 

Começa distribuição do IPTU

por: Sérgio Klafke
Data: 22/02/2017 | 01:05

Começa hoje, 22, a distribuição dos carnês do IPTU 2017, que trarão os boletos para o pagamento parcelado e em cota única. Quem quitar o IPTU em cota única até 10 de março, terá 10% de desconto, mais 5% se não tiver débitos com o Município e ainda concorre ao sorteio de um carro e duas motos no dia 11 de maio. O boleto da cota única também pode ser acessado no site da Prefeitura.
E o IPTU veio com o reajuste de 7,19%, correção da inflação, o que tem provocado reações, cobrando a promessa de campanha de Giovane de desconto de 50%. Lembro que Giovane Wickert (PSB) recebeu orçamento feito ainda pela equipe do prefeito anterior Airton Artus (PPDT) e poderá ser cobrado por promessas, como a da redução do IPTU para 2018, quando o orçamento municipal será feito pela sua equipe.
Até agora 600 contribuintes já pagaram o IPTU. A expectativa é de que a receita em cota única chegue aos R$ 7 milhões, injeção financeira importante que vai permitir Giovane colocar o governo em dia neste início de mandato.

 
Páginas:
12345...Próximo
PERFIL

Sérgio Klafke


Diretor de Conteúdo da Folha do Mate, com formação em Ciências Econômicas e registro de jornalista profissional provisionado, tem a vida de trabalho toda ligada ao jornal. Iniciou em julho de 1973, com 12 anos, quando a Folha do Mate tinha nove meses de circulação, como entregador de jornal. Nestes já 40 anos de Folha, atuou em todos os setores. Foi repórter, contato publicitário, diagramador, editor, coordenador comercial e diretor. Como colunista político nas últimas décadas, centra suas ações em palavras de apoio à todas as boas iniciativas e de cobrança àquilo que entende não estar correto.

BUSCA
CATEGORIAS
LINKS ÚTEIS
ÚLTIMOS POSTS