Folha no Ar Terra
Opinião

Giovane acumula a Fazenda

por: Sérgio Klafke
Data: 22/06/2017 | 01:05

O prefeito Giovane Wickert (PSB) vai cumular a secretaria da Fazenda com a saída da secretária Jeanine Benkenstein, que deixa a pasta mas continuará sendo assessora tributária da Administração. Giovane deixa entender que é uma situação temporária, mas vejo como uma boa alternativa do prefeito, empenhado em equacionar a 'pindaíba' financeira da Prefeitura, como de resto estão quase todas as Prefeituras.
Giovane, formado em gestão pública, com a assessoria de Jeanine, que seguirá vindo pelo menos uma vez por semana a Venâncio, em sintonia com a sua equipe da Fazenda, tem plenas condições de seguir a 'empreitada' de enfrentar o déficit orçamentário, e seguir administrando com 'mãos de ferro' o caixa do Município. A economia nos cinco primeiros meses foi de R$ 6,2 milhões, revelou Jeanine ao deixar a pasta na terça-feira. O déficit orçamentário é de R$ 13,8 milhões.

 

Notinhas

por: Sérgio Klafke
Data: 22/06/2017 | 01:02

* No dia 3 de julho Giovane traz a Venâncio a jornalista Rosane Oliveira, de ZH, para o almoço Roda de Debates - a Política em pauta.

* Debate entre deputados no twitter:
Jeferson Fernandes (PT), deputado preso semana passada em desocupação de prédio público pela BM na capital: 'Pedágios estaduais interior afora. Isso é fruto de lei do Sartori q tanto alertamos. Agora sequer passa pelo crivo da Assembleia.'
Edson Brum (PMDB): Não é verdade, foi projeto do governo Tarso votado e aprovado no mandato passado com o seu voto favorável e o meu contrário. Está registrado.

* Gazeta publicou no sábado levantamento regional sobre diárias de vereadores de janeiro a abril, os quatro primeiros meses das novas legislaturas. Rio Pardo é o legislativo que mais gasta diárias: foram R$ 48 mil em quatro meses. Em 2016, foram R$ 141 mil. Venâncio aparece no levantamento com gasto de R$ 8.179, em quatro meses. No ano de 2016 o total foi de R$ 15.421, em diárias. O presidente Gilberto dos Santos (PTB) anuncia que quer reduzir o volume de diárias aqui.

* Prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo (PP) também antecipa parcela do 13º dos servidores. Caumo diz ter poupado até aqui R$ 5 milhões em corte de gastos e contratos. Ele cortou três secretarias e reduziu o número de CC's de 180 para 83.

 

Do Twitter

por: Sérgio Klafke
Data: 22/06/2017 | 01:01

* IstoÉ: Michel Temer pediu "comissão" de R$ 20 milhões, diz Funaro.

* Veja: PF conclui que Temer praticou corrupção.

* O Globo: Justiça rejeita queixa-crime de Temer contra Joesley Batista.

* Exame: STF adia decisão sobre prisão de Aécio para semana que vem.

* Exame: Tucanos pedem renúncia de Aécio como 'gesto de grandeza'.

* Estadão: Por que Janot quer Aécio atrás das grades.

* Carta Capital: Eleições 2018 mexe com o imaginário político de evangélicos, mas a polarização é entre Lula e Doria.

* O Globo: Léo Pinheiro rebate defesa de Lula e diz que petista é dono do tríplex.

* Folha S. Paulo: Acusado pela Lava Jato, Lula defende exoneração de procuradores.

* IstoÉ: Cunha diz que se reuniu com Lula e Joesley para discutir impeachment.

* Exame: Lula encontrou Temer um dia após 'reunião' de Cunha.

* Estadão: Comissão do Senado rejeita proposta de reforma trabalhista.

* Dilma Rousseff: Derrota da reforma trabalhista na Comissão de Assuntos Sociais do Senado é vitória da resistência ao golpe. Senadores estão de parabéns.

* Michel Temer: O plenário do Senado tem a última palavra sobre a modernização trabalhista. 'O Brasil ganha no plenário'.

* Edson Brum: "Somos contra a judicialização da política e contra a politização de decisão judicial".

* Cristian Deves: Ontem vi o melhor jogo de 2017 até agora ( Grêmio e Cruzeiro). Hj um dos piores ( inter e Paraná).

 

 
Páginas:
12345...Próximo
PERFIL

Sérgio Klafke


Diretor de Conteúdo da Folha do Mate, com formação em Ciências Econômicas e registro de jornalista profissional provisionado, tem a vida de trabalho toda ligada ao jornal. Iniciou em julho de 1973, com 12 anos, quando a Folha do Mate tinha nove meses de circulação, como entregador de jornal. Nestes já 40 anos de Folha, atuou em todos os setores. Foi repórter, contato publicitário, diagramador, editor, coordenador comercial e diretor. Como colunista político nas últimas décadas, centra suas ações em palavras de apoio à todas as boas iniciativas e de cobrança àquilo que entende não estar correto.

BUSCA
CATEGORIAS
LINKS ÚTEIS
ÚLTIMOS POSTS