Espetáculo de cores nos jardins de Hidcote

por: Solange Silberschlag Beglin
Data: 25/06/2017 | 17:19

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalJardins estão localizados na região de Cotswolds
Jardins estão localizados na região de Cotswolds

Jardins ingleses, de tirar o fôlego!

Desde a primeira vez que visitei os canteiros floridos espalhados pelos rincões  da Terra da Rainha, fiquei deslumbrada pela jardinagem inglesa. Escondido entre estradinhas sinuosas  no meio da paisagem rural  da região dos Cotswolds, no coração da Inglaterra, o jardim de Hidcote Manor  é uma obra de arte cravejada no esplendor da natureza. Nesta semana voltei a visitar este oasis colorido  localizado no vilarejo de Hidcote, entre as cidades de  Stratford-upon-Avon (onde nasceu o poeta e dramaturgo William Shakespeare)  e Chipping Campden, no condado de Gloucestershire.  Considerado um dos jardins mais inspiradores  do país, Hidcote denota poesia no mundo das flores.

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalCottage garden
Cottage garden
Foto: S S Beglin / arquivo pessoalAbundância de cores, por onde se anda ...
Abundância de cores, por onde se anda ...

 Esta obra de arte foi criada  no início do século XX pelo colecionador de plantas e paisagista , Lawrence Johnston. Em 1907 ele adquiriu a propriedade rural de Hidcote Manor e ali iniciou seu sonho de criar um jardim selvagem num espaço  formal. Pioneiro em sua visão de jardinagem, ele  transformou os campos ao redor da  mansão rural  numa área dividida em 'aposentos  verdes', usando plantas e cercas vivas e árvores para separar os espaços.

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalMansão de Hidcote mantém arquitetura original
Mansão de Hidcote mantém arquitetura original
Foto: S S Beglin / arquivo pessoalSinfonia de cores!
Sinfonia de cores!

Johnston trabalhou durante quatro décadas no projeto, trazendo plantas e folhagens  de todo mundo,  mas somente depois de  1948, quando a propriedade foi doada à Fundação Nacional de Patrimônio Público, que o jardim se concretizou  na forma de hoje. 

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalJardim formal
Jardim formal

Os jardins de Hidcote são simplesmente mágicos!

Este  paraíso de flores disperso numa área de quatro hectares é  fonte de inspiração a jardineiros e paisagistas de todo mundo. Hidcote é, na verdade, uma coleção de pequenos jardins, distintos, com sua própria identidade, recortados por alamedas perpendiculares emolduradas por  ciprestes e arbustos. Do jardim das rosas, de topiarias, flores do campo, das  bordas avermelhadas  até a exuberância das  vitórias-regias, é impossível escolher o mais lindo, ou  preferido.

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalRosas perfumadas ...
Rosas perfumadas ...
Foto: S S Beglin / arquivo pessoalJardim de ciprestes e flores brancas
Jardim de ciprestes e flores brancas

Ao caminhar neste labirinto de pérolas perfumadas,  a sensação é  de estar navegando num cenário de conto de fadas,  embalada pela sinfonia de cores vibrantes espalhadas pelos  canteiros abundantes. Em cada espaço, entre uma arcada verde e outra, caminhos sinuosos revelam pequenos jardins secretos, acrescentando charme aos maciços  floridos.

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalarcos verdes vão revelando a magia de pequenos jardins
arcos verdes vão revelando a magia de pequenos jardins
Foto: S S Beglin / arquivo pessoalvitorias-regias em plena floração, lindo demais
vitorias-regias em plena floração, lindo demais

Renques de pétalas mimosas adornam  estátuas e chafarizes, enquanto folhagens  viçosas  e elementos naturais  criam paisagens campestres. Um passeio pleno de magia e inspiração nestes  jardins encantadores. Um  espetáculo divino, a ser contemplado vagarosamente,  saboreando a profusão de fragâncias que paira no ar. O melhor período  para visitar é nesta época  do ano,durante o verão europeu, entre junho e agosto, quando as flores estão vaporosas, no auge de seu esplendor.

Foto: S S Beglin / arquivo pessoallinhas perpendiculares delineam os
linhas perpendiculares delineam os "aposentos verdes"

Os jardins ingleses arrancam suspiros.  Eles são perfeitos e despretensiosos,  aproximando  a imperfeição natural de terrenos acidentados à grandiosidade de avenidas de ciprestes. Os jardins ingleses incorporam  exuberância sem ostentar, seja nos canteiros floridos ou elementos ruprestes. Eles enaltecem a beleza natural da paisagem

Flores azuis!!!!

 

E que paisagem!

Impossível não se encantar nestes jardins ...

Morando aqui do outro lado do oceano há mais de duas décadas, eu sei que sou suspeita para falar, mas continuo acreditando, desde aquela primeira vez que pisei em solo britânico,  que os jardins ingleses são os mais lindos e maravilhosos  do mundo! E o jardim de Hidcote é uma dessas joias preciosas, brilhando sem parar l[a nos confins da Inglaterra rural. 

perfeição!

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalJardim selvagem
Jardim selvagem, no meio da paisagem verdejante
Foto: S S Beglin / arquivo pessoalAdoro essa flor rosa (em inglês foxglove,Digitalis purpurea
Adoro essa flor rosa (em inglês foxglove,Digitalis purpurea)
Foto: S S Beglin / arquivo pessoalA branca também é linda
A branca também é linda

COMO CHEGAR - Carro é a melhor opção. Onibus de Stratford-upon-Avon (a cada duas horas).

INGRESSOS - adulto £11,80 libras (cerca R$ 40,00), menores de 16 anos £5,90 libras (cerca R$ 18,00)

QUANDO VISITAR/HORARIO - durante primavera/verão (melhor época de visitação) aberto diariamente das 10h às 18h

O local conta com dois cafés e um restaurante, um lojinha de souvenirs e uma loja de plantas e artigos de jardinagem 

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalMuitas opções na lojinha de jardinagem
Muitas opções na lojinha dos jardins de Hidcote

Os jardins podem ser visitado durante todo o ano, embora nos meses de inverno (outubro a fevereiro) esteja aberto somente durante o fim-de-semana.

Foto: S S Beglin / arquivo pessoalEu, me sentindo a rainha das flores!!!! rsrsrs
Eu, me sentindo a rainha das flores!!!! rsrsrs

 

 

 

Comentários


PERFIL

Solange Silberschlag Beglin


Há 22 anos morando na Europa com meu marido inglês e nossos três filhos, adoro viajar, renovar conceitos e assimilar novas culturas. Nesta longa trajetória já morei em Roma durante quatro anos e meio, dois anos na Líbia, quatro anos em Paris, dois anos em Minsk, capital da Bielorússia, e atualmente moro em Londres. Na terra da rainha Elizabeth estão as raízes da nossa família. Entre uma mudança e outra, ao longo dos anos a bagagem cultural foi aumentando e enriquecendo a alma. Vou contar um pouco aqui neste blog justamente sobre as diferenças culturais, estilo de vida e tradições do velho continente. Vou relatar minhas viagens, sempre com várias dicas, assim como fatos interessantes e pitorescos da vida cotidiana na Europa. Viaje comigo e compartilhe aqui também a sua experiência!

BUSCA
CATEGORIAS
LINKS ÚTEIS
    ÚLTIMOS POSTS