Tradicionalismo

Pelos caminhos das Cirandas

por: Beatriz Colombelli
Data: 21/05/2019 | 13:00

A tradição gaúcha que se movimenta o ano todo, por meio de eventos socioculturais, beneficentes, artísticos e campeiros renova-se a cada ano nos meses de abril e maio, quando o coração do Movimento Tradicionalista Gaúcho acelera-se com a realização do Entrevero de Peões e a Ciranda Cultural de Prendas, respectivamente.

Eventos estes, que mudam para sempre a vida de quem deles participam. É fato. Diz o ditado popular que 'o saber não ocupa espaço'. Para as crianças e jovens que buscam o conhecimento e, posteriormente, ao se desafiar diante das comissões avaliadoras, os registros são para a vida toda. Embora, alguns sigam outros caminhos, que não seja o do tradicionalismo no futuro, as memórias permanecem e nos caminhos da vida escrevem suas histórias com perseverança e determinação.

Foto: Beatriz Colombelli / Folha do Matexx

É evidente que nem tudo são flores nesta trajetória pelos caminhos da tradição, assim como não é em qualquer desafio que se buscam objetivos. Mas o que realmente importa é o legado que eles levam, as amizades que permanecem e o crescimento pessoal. Além de um tempo que as famílias convivem intensamente com seus filhos, aliás, um dos elos que o tradicionalismo proporciona às gerações.

HÁ 16 ANOS
Acompanho, especialmente, as Cirandas de Prendas há 16 edições. Algumas bem de perto, como a 38ª edição, no ano de 2008, na cidade de Júlio de Castilhos, outras "espiando" e na torcida. No entanto, a cada ano percebo a evolução, a preparação dos participantes e a preocupação dos organizadores para bem receber às famílias em seus municípios.

ESPETÁCULO CULTURAL
E nesta 49ª Ciranda Cultural de Prendas, realizada entre os dias 16 e 18, na 24ª Região Tradicionalista, em Lajeado, com a recepção no Centro de Tradições Gaúcha (CTG) Tropilha Farrapa, as provas na Universidade do Vale do Taquari Univates e o fandango no Clube Tiro e Caça, não foi diferente. Se houve dificuldades, nos bastidores? Certamente. Entretanto, elas ultrapassaram o mérito da questão e o objetivo maior foi alcançado.

Espetáculo cultural e de muito bom gosto foram apresentados aos visitantes. E o show maior? Este se concretizou com as apresentações de fundamento realizado pelas protagonistas - as Prenda - mirins, juvenis e adultas que representaram as suas Regiões Tradicionalistas, as entidades de origem e os municípios, 'orgulhosamente', como destacavam em suas oratórias.

EVOLUÇÃO
Certa vez Arnaldo Freitag (in memoriam), um dos meus diretores na antiga empresa Fumossul, de Venâncio Ares, me disse: 'a cada evento precisamos fazer melhor, é a lei da exigência'. Ele se referia às festas de confraternizações que organizávamos nos fins de ano para reunir os colaboradores. Grifei a fala, porque assim tem sido, a cada edição dos eventos culturais, quando os organizadores buscam diferencias para encantar os participantes.

E nesta edição cada detalhe me chamou atenção, embora lá estive por pouco tempo. Mas por meio da TV Eco da Tradição, acompanhei tudo de perto. Meus aplausos aos organizadores.

PARABÉNS...
A cada uma das 73 concorrentes, podem ter certeza que a cultura do Rio Grande do Sul ganhou um novo impulso. Às representantes da juventude tradicionalista, Gestão 2019/20, conhecidas na madrugada do domingo, 19, luz e proteção para cumprir a missão recebida. E que venha o cinquentenário das Cirandas, no "Coração do Rio Grande" - Santa Maria!

 

 

Santa Maria Leva o título de Prenda do RS

por: Beatriz Colombelli
Data: 19/05/2019 | 07:30

A jovem Gabriela Sarturi Rigão, do DTG Noel Guarany, de Santa Maria recebeu, na madrugada deste domingo, 19, a faixa de 1ª Prenda do Rio Grande do Sul, da 49ª Ciranda Cultural de Prendas. Título que foi disputado por 21 candidatas, na categoria adulta.

Foto: Divulgação1ª Prenda do RS, Gabriela Sarturi Rigão
1ª Prenda do RS, Gabriela Sarturi Rigão

O concurso ocorreu na cidade de Lajeado, realizado pela Fundação Cultural Gaúcha (FCG) e o Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), desde a última quinta-feira, 16. Pela primeira vez o concurso, em âmbito estadual foi realizado na 24ª RT, com a conquista de 1ª Prenda do RS, gestão 2018/19, Jéssica Thaís Herrera, do Centro de Tradição Tropilha Farrapa.

A gestão 2019/20, com as nove representantes da juventude tradicionalista, realizaram provas escrita e artística, Mostra Folclórica, e apresentação de relatório de atividades, conforme regulamento do MTG. Durante dois dias, as representantes das 30 Regiões Tradicionalistas realizaram as atividades culturais no complexo da Universidade do Vale do Taquari - Univates.

Segundo a coordenadora da 24ª RT, Luce Carmen da Rosa Mayer, o evento foi um sucesso, com o apoio da equipe de organização. O trabalho do voluntariado, segundo a coordenadora foi um dos pontos de suma importância para bem receber a todos. Ela agradeceu a receptividade e acolhimento da equipe da Univates e ao presidente do MTG, Nairioli Antunes Callegaro, por todo o apoio na organização. Callegaro também considerou o número de 73 participantes 'muito bom' e elogiou as dependências da Universidade do Vale do Taquari (Univates) oferecidas para o evento.

Pelos três palcos, na Univates desfilaram durante o dia deste sábado, 18, lúdica, legados, homenagens, agradecimentos e muita emoção, por meio das provas artísticas apresentadas pelas concorrentes. Mas, sobretudo, a comprovação de habilidades, conhecimento cultural e oratória.

Venâncio Aires esteve representado, no concurso, por Marina Mayer 1ª Prenda da 24ª RT, e Ana Júlia dos Santos, 1ª Prenda Mirim da 24ª RT, e do Centro de Tradição Gaúcha (CTG) Erva-Mate.

PRENDAS GESTÃO 2019/20

Foto: Eco da Tradição / Divulgaçãoxx
xx


Categoria Mirim
1ª Prenda: Rafaela Prietsch dos Santos - CTG Mate Amargo - Rio Grande (6ª RT)
2ª Prenda: Amanda Bissani Tonial - CTG Rincão da Roça Reúna - Veranópolis (11ª RT)
3ª Prenda: Yasmim dos Santos Ribas - CTG Mata Nativa - Canoas (12ª RT)

Categoria Juvenil
1ª Prenda: Isabella Nunes da Silva - CTG Estância da Serra - Osório (23ª RT)
2ª Prenda: Táila Bergamin Kemerich - CTG Pousada dos Carreteiros - Cotiporã (11ª RT)
3ª Prenda: Gabriely Portela Ramos - CTG Sentinelas do Pago - Marau (7ª RT)

CATEGORIA ADULTA
1ª Prenda: i Gabriela Sarturi Rigão - DTG Noel Guarany - Santa Maria (13ª RT)
2ª Prenda: Alessandra Hoppen - CTG Unidos Pela Tradição Rio-Grandense - Carazinho (7ª RT)
3ª Prenda: Juliane da Cruz Carvalho - PL Timbaúva - Portão (15ª RT)

 

 

Ciranda Cultural à espera dos resultados

por: Beatriz Colombelli
Data: 18/05/2019 | 21:10

Encerrou-se por volta das 21h, deste sábado 18,, a última etapa de provas para as 73 prendas que buscam nove vagas na 49ª Ciranda Cultural de Prendas. Concurso que transcorreu na cidade de Lajeado, 24ª Região Tradicionalista (24ª RT), deste a última quinta-feira, e pela primeira vez, cidade-sede da atual Prenda do Rio Grande do Sul, Jéssica Thaís Herrera. Em poucas horas, a jovem Lajeadense irá conhecer sua sucessora e as demais integrantes da gestão 2019/20. Os resultados serão anunciados durante fandango oficial, que se inicia às 22h, no Clube Tiro e Caça.

Foto: Beatriz Colombelli / Folha do MateMarina Mayer em sua apresentação artística acompanhada pelo diretor cultural da 24ª RT, Jéferson Valente
Marina Mayer em sua apresentação artística acompanhada pelo diretor cultural da 24ª RT, Jéferson Valente

Pelos três palcos, na Universidade do Vale do Taquari (Univates), que recebeu as 73 prendas, para a realização de todas as provas, desfilaram durante o dia deste sábado, 18, lúdica, legados, homenagens, agradecimentos e muita emoção, por meio das provas artísticas apresentadas pelas concorrentes. Mas, sobretudo, a comprovação de habilidades, conhecimento cultural e oratória.

Presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) Nairioli Antunes Callegaro, destacou nesta tarde que o número de jovens participantes é considerado muito bom, e vem em uma crescente nos últimos anos.

Venâncio Aires está representado, no concurso, por Marina Mayer 1ª Prenda da 24ª RT, e Ana Júlia dos Santos, 1ª Prenda Mirim da 24ª RT, e do Centro de Tradição Gaúcha (CTG) Erva-Mate. Familiares e amigos apoiaram as candidatas durante as provas e participam do baile, na torcida por suas representantes.

Os pais Silvio e Juliana no aguardo para a apresentação da filha Ana Júlia dos Santos
Os pais Silvio e Juliana no aguardo para a apresentação da filha Ana Júlia dos Santos

Ainda da 24ª RT, completa o trio, a 1ª Prenda Juvenil da 24ª RT, Cristini Zilio, de Encantado, e Grupo de Artes Nativas (GAN Anita Garibaldi.

Foto: Beatriz Colombelli / Folha do MateCristini Zilio, ao se dirigir para o local das provas na Univates recebe o carinho da coordenadora da 24ª RT Luce Carmen da Rosa Mayer e vice-coordenador Vanderlei Kuh
Cristini Zilio, ao se dirigir para o local das provas na Univates recebe o carinho da coordenadora da 24ª RT Luce Carmen da Rosa Mayer e vice-coordenador Vanderlei Kuh

CATEGORIA ADULTA
Kristine Sheila Schuster - 35 CTG - Porto Alegre (1ª Região Tradicionalista)

Eduarda Teixeira Streck - CTG Tropilha Crioula - São Borja (3ª Região Tradicionalista)

Andressa Fernandes Leal - GN Ibirapuitã - Alegrete (4ª Região Tradicionalista)

CamilaEidt Schiedeck - CTG Carreteiros da Saudade - Pantano Grande (5ª RT)

Gabriela Barcellos Curi Leal - CCN Sentinela do Rio Grande - Rio Grande (6ª RT)

Alessandra Hoppen - CTG Unidos Pela Tradição Rio-Grandense - Carazinho (7ª RT)

Taynara Oliboni Carneiro Vieira - CTG Porteira do Rio Grande - Vacaria (8ª RT)

Lúcia Gabriela Chaves Callai - CTG Tapera Velha - Tupanciretã (9ª Região Tradicionalista)

Luana da Silva Gonçalves - CTG Cancela da Tradição - Mata (10ª Região Tradicionalista)

Janine Custódio Panno - CTG Sentinela da Serra - Garibaldi (11ª Região Tradicionalista)

Amanda Faleiro - GAG Piazitos do Sul - Canoas (12ª Região Tradicionalista)

Gabriela Sarturi Rigão - DTG Noel Guarany - Santa Maria (13ª Região Tradicionalista)

Jossandra Tischer - CTG Guido Mombelli - Tapera (14ª Região Tradicionalista)

Juliane da Cruz Carvalho - PL Timbaúva - Portão (15ª Região Tradicionalista)

Laura Berdet Arboitte - CTG Prenda Minha - Bagé (18ª Região Tradicionalista)

Keyla Gabriele Fleck Pereira - CTG Sentinela da Querência - Erehim (19ª Região Tradicionalista)

Diana Faria de Andrade - PTG Raízes da Fronteira - Jaguarão (21ª Região Tradicionalista)

Franciele Grings dos Santos - CTG Guapos da Cabanha Liberdade - Rolante (22ª RT)

Marina Mayer - CTG Erva Mate - Venâncio Aires (24ª Região Tradicionalista)

Aline Malgarezi Alves - CTG Paixão Côrtes - Caxias do Sul (25ª Região Tradicionalista)

Andressa de Souza Rosa - CTG Estância dos Carreteiros - Palmitinho (28ª RT)

CATEGORIA MIRIM

Izabelly Borges Albrecht - 35 CTG - Porto Alegre (1ª RT)

Bibiana de Oliveira Schittler - CTG Querência Crioula - Giruá (3ª RT)

Isadora Lopes Carbonel - Centro Farroupilha de Tradições Gaúchas - Alegrete (4ª RT)

Ana Luiza Silveira Seidel - CTG Carreteiros da Saudade - Pantano Grande (5ª RT)

Rafaela Prietsch dos Santos - CTG Mate Amargo - Rio Grande (6ª RT)

Gabriéli do Rosário dos Santos - CTG Fagundes dos Reis - Passo Fundo (7ª RT)

Joana Damião Cossetin - GF Chaleira Preta - Ijuí (9ª RT)

Laura Guedes Rodrigues - CTG Pedro Telles Tourem - São Francisco de Assis (10ª RT)

Amanda Bissani Tonial - CTG Rincão da Roça Reúna - Veranópolis (11ª RT)

Yasmim dos Santos Ribas - CTG Mata Nativa - Canoas (12ª RT)

Isadora de Souza Ilha - CTG Farroupilhas - Santa Maria (13ª RT)

Julia Cornelius - CTG Guido Mombelli - Tapera (14ª RT)

Fernanda Lermen Petry - CTG Querência da Serra - Salvador do Sul (15ª RT)

Mariana Bonarrigo Vernetti - CTG Sepé Tiaraju - São Lourenço do Sul (16ª RT)

Lavínea Porfirio Bueno - CTG Galpão da Boa Vontade - Palmeira das Missões (17ª RT)

Geovanna Petrovichi dos Passos - CTG Sentinela da Fronteira - Bagé (18ª RT)

Ana Laura dos Anjos de Oliveira - CTG Sentinela da Querência - Erechim (19ª RT)

Ana Clara Tenedi - CTG Carreteiros de Horizonte - Horizontina (20ª RT)

Camili da Rosa Martins - CCTG Lila Alves - Pinheiro Machado (21ª RT)

Ana Laura Bortolamedi - CTG Sangue Nativo - Parobé (22ª RT)

Ana Julia dos Santos - CTG Erva Mate - Venâncio Aires (24ª RT)

Carolina Pedrotti Wolff - CTG Ginetes da Tradição - Caxias do Sul (25ª RT)

Emily Albuquerque Alves - CTG Sinuelo do Sul - Pelotas (26ª RT)

Maria Eduarda Nunes da Silva - CTG Querência - Canela (27ª RT)

Ana Clara Bortolazza - CTG Piquete da Querência - São José do Ouro (29ª RT)

Laura Eniane Martins - CTG Querência de Nova Hartz - Nova Hartz (30ª R)

CATEGORIA JUVENIL
Franciele Matheus Alberton - 35 CTG - Porto Alegre (1ª Região Tradicionalista)

Maysa Rebelo Crestani - CTG Galpão de Estância - São Luiz Gonzaga (3ª Região Tradicionalista)

Milena Oliveira Corrêa - Centro Farroupilha de Tradições Gaúchas - Alegrete (4ª Região Tradicionalista)

Renata Eidt Schiedeck - CTG Carreteiros da Saudade - Pantano Grande (5ª Região Tradicionalista)

Giovana Martins Conceição - CCN Sentinela do Rio Grande - Rio Grande (6ª Região Tradicionalista)

Gabriely Portela Ramos - CTG Sentinelas do Pago - Marau (7ª Região Tradicionalista)

Julia Furtado Bittencourt - GAN Lagoa Vermelha - Lagoa Vermelha (8ª Região Tradicionalista)

Victória Luisa da Rosa Ribeiro - GF Chaleira Preta - Ijuí (9ª Região Tradicionalista)

Fernanda Chimelo Aguiar - CTG Negrinho do Pastoreio - São Francisco de Assis (10ª Região Tradicionalista)

Táila Bergamin Kemerich - CTG Pousada dos Carreteiros - Cotiporã (11ª Região Tradicionalista)

Amanda Andriele Nunes da Silveira - CTG Estância de Sapucaia - Sapucaia do Sul (12ª Região Tradicionalista)

Nathália Neves Gonçalves - CTG Sincero Lemes - Santa Maria (13ª Região Tradicionalista)

Gabriella Pereira Palmeira - GAN Vaqueanos da Cultura - Soledade (14ª Região Tradicionalista)

Ana Carolina de Freitas da Conceição - CTG Querência da Serra - Salvador do Sul (15ª Região Tradicionalista)

Franciele Silva Soares - CTG Sepé Tiarajú - São Lourenço do Sul (16ª Região Tradicionalista)

Rafaela Peres Amaro - GAN Campo Aberto - Bagé (18ª Região Tradicionalista)

Thaiane Cararo Momo - CTG Rodeio da Querência - Campinas do Sul (19ª Região Tradicionalista)

Amanda Gabrieli Soares Fischer - CTG Carreteiros de Horizonte - Horizontina (20ª Região Tradicionalista)

Luísa Rafaela Live Schmitt - CTG Sangue Nativo - Parobé (22ª Região Tradicionalista)

Isabella Nunes da Silva - CTG Estância da Serra - Osório (23ª Região Tradicionalista)

Cristini Zilio - GAN Anita Garibaldi - Encantado (24ª Região Tradicionalista)

Maria Eduarda Müller Franco -CTG Campo dos Bugres - Caxias do Sul (25ª Região Tradicionalista)

Elisa Silveira Teixeira - CTG Sinuelo do Sul - Pelotas (26ª Região Tradicionalista)

Ana Carolina Camillo de Oliveira - CTG Querência - Canela (27ª Região Tradicionalista)

Ana Martina Wolmer - Minuano CTG - Iraí (28ª Região Tradicionalista)

Carina Oliveira Hoffmann - CTG Querência de Nova Hartz - Nova Hartz (30ª Região Tradicionalista)

 

 
Páginas:
12345...Próximo
PERFIL

Beatriz Colombelli


De telefonista/recepcionista, supervisora de escola infantil, mãe de Prenda, Patroa de entidade tradicionalista, palestrante e avaliadora de concursos de prendas e peões, à Colunista no 'Cultura Gaúcha', lá se vão mais de 20 anos. Desde agosto de 2011, integra a equipe do Jornal Folha do Mate, como revisora e futura jornalista, pois nos bancos acadêmicos busca o sonho de infância.

BUSCA
CATEGORIAS
LINKS ÚTEIS
ÚLTIMOS POSTS